Criando aplicativos para celular – Parte 2

Vamos dar continuade ao nosso “curso” de como criar um aplicativo para celular com o cordova?

Dessa vez veremos como criar o escopo do nosso projeto ( app ) e adicionar suas devidas plataformas e inclusive veremos quais plataformas o cordova suporte exportar de forma “universal”, o famoso código Cross-Platform.

O que será necessário?

Para acompanhar esse post é necessário:

  • Que você tenha lido o primero Post dessa série.
  • Saber o que é um pacote de projeto.
  • Noção de diretórios e comandos básicos do Prompt de comando ou o seu terminal.
  • Saber o que é uma plataforma.

Criando o nosso App

Antes de tudo, escolha um local onde irá salvar todo o seu projeto.

Com a sua pasta de projetos bonitinha criada em algum canto do seu PC, abra o seu prompt/terminal e navegue até a sua pasta usando o comando cd C:\blablabla\seu_diretorio, já estando dentro do seu diretório, iremos então criar o seu projeto, vá no prompt/terminal e utilize o seguinte comando e seus devidos parâmetos cordova create hello com.example.hello HelloWorld onde:

  • hello = Nome da pasta que será criar dentro do seu diretório para armazenar todo o conteúdo do seu App.
  • com.example.hello = Nome do pacote que irá agrupar todo o seu projeto.
  • HelloWorld = Título de escopo geral do seu projeto, inclusive será esse o nome que irá ficar logo abaixo do ícone do seu App quando o instalarmos em alguma plataforma, como por exemplo Android.

Nota: No meu caso, para continuar essa série irei mostrar como criei o meu App PackNotes, que pode ser baixado pelo meu reposítório no GitHub.

Sendo assim, eu irei executar o comando da seguinte maneira cordova create packnotes info.packnotes Packnotes

Com isso será gerado a seguinte estrutura de pastas:

  • SeuApp
    • hooks ( Faço a menor ideia )
    • plugins ( Nome bastante sugestivo )
    • platforms ( Onde irá ficar as plataformas que iremos inserir )
    • res ( pasta que irá conter imagens, mídias e etc.. de escopo global )
    • www ( pasta que irá conter todos os arquivos necessários para dar vida ao seu App )
    • config.xml ( Arquivo que contém todas as configurações do seu App )

Se você for na pasta www e abrir o index.html, verá o HelloWorld do Cordova que nada mais é que a sua logo.

Nota: Para mais informações, acesse a documentação oficial do cordova onde eles falam sobre Cordova Command-line-interface (CLI) Reference.

Com o app “criado”, vamos navegar para dentro dele usando o comando cd packnotes ( Windows ), dentro do nosso diretório iremos então adicionar uma plataforma para ele, no nosso caso iremos compilar para Android e para UWP ( Plataforma Universal Windows ):

  • Executamos primeiro cordova platform add android --save
  • Depois executamos cordova platform add windows --save

Nota: É necessário possuir o Visual Studio instalado na sua máquina junto com o os SDK’s , vá para o site oficial da Microsoft e faça o download do Visual Studio, como Freatures obrigatórios teremos:

  • Microsoft Web Developer Tools
  • Universal Windows App Development ( Todos )
  • Windows 8.1 and Windows phone 8.0/8.1 Tools ( Todos )
  • Eu particularmente baixo absolutamente tudo para evitar problemas futuros, mas se a documentação do cordova diz que é necessário somente isso, quem sou eu para retrucar, certo?

Com as plataformas inseridas, vamos checar se tudo ocorreu bem e se elas estão em nosso App usando o seguinte comando cordova platform ls.

Nota: Para remover uma platform, basta mudar o add para remove cordova platform remove android

Ao usar CLI do Cordova, você não deve editar nada que esteja dentro do diretório /platforms/, pois eles são diretórios de rotinas e que são substituidos constantemente.

Leia mais em Cordova platform command reference documentation

Requisitos necessários para android

Você pode estar se perguntando, wathahell como é que o cordova vai compilar para Android?

Se você se perguntou isso, meus parabéns, pois sabes que é necessário ter uma bagagem ai de ante-mão igual tivemos para Windows, para isso vamos executar o seguinte comando: cordova requirements.

No meu caso o retorno foi o seguinte:

Requirements check results for android:

Java JDK: installed .

Android SDK: installed

Android target: installed android-19,android-21,android-22,android-23,Google

Inc.:Google APIs:19,Google Inc.:Google APIs (x86 System Image):19,Google Inc.:Google

APIs:23

Gradle: installed

Ou seja, possuo tudo que é necessário, caso você não, trate de instalar o que estiver faltando.

Nota: Use a documentação do cordova a seu favor Android platform requirements, Windows platform requirements

E para finalizar o post vamos executar o nosso projeto em um aparelho android, pegue o seu aparelho Android, ative o modo de depuração Usb dele, plugue ele no pc com modo de depuração ativo, va no seu prompt/terminal que deverá estar apontando para o diretório do seu app e em seguida use o seguinte comando cordova run android, cordova irá fazer o deploy do seu app no seu aparelho e o app então será aberto.

Nota: Caso você não possua um aparelho android, veremos no próximo post, como emular um aparelho no seu windows.

Conclusão

Então pessoal, no post de hoje falei sobre bastante coisa desde a criação até o deploy de um app e tudo isso poderá ser acompanhado pelo meu canal no youtube, não se esqueçam 🙂

Até o próximo post, obrigado 🙂